Brasília transpira esporte

Veiculado na Correio Braziliense em 16/11/2011 - imagem ilustrativa WEB - NY Marathon



Ainda hoje os espaços da mídia esportiva são preenchidos - quase com exclusividade - pelo esporte de rendimento, por competições, Copa do Mundo, Olimpíadas. Nas últimas décadas, gerações foram orientadas pelo padrão da competição como objetivo maior, cultuada pela seleção “natural” da linha de chegada. 

O lugar mais alto do pódium, uma vitrine para o mundo, inspirou mais e mais pessoas a movimentar-se em direção à prática esportiva, com toda sua promessa de qualidade de vida, saúde e prevenção de doenças, para falar o mínimo. 

Agora estamos diante de um fenômeno impressionante, que continua crescendo geometricamente. A pressão de demanda extrapolou o pódium. A popularização do esporte abriu um horizonte gigante de possibilidades, e a competição passou a ser, apenas, mais um elemento. 

Uma década atrás em Brasília, não passavam de 80 atletas numa corrida de bicicleta. Hoje, temos provas com 700 inscritos. Grupos de ciclismo não passavam de agremiações de amigos. Hoje existem listas com mais de 4.000 sócios. As corridas de rua - uma das atividades mais populares do mundo - já teve na Capital 9.000 pessoas participando de uma largada. 

A Maratona de Nova York, realizada pela primeira vez em 1970 com 127 participantes, hoje agrega quase 35.000 corredores de todo o planeta, mobilizando cerca de 2 milhões de espectadores prestigiando os anônimos que fazem o colorido do evento. 

É a pressão da grande massa que abre uma janela de possibilidades. Pessoas que têm o compromisso com tentar, com preparar-se adequadamente para superar um desafio, concluir uma meta. E no meio do caminho, fazer novos amigos, conhecer lugares interessantes, adotar um estilo de vida mais saudável. 

Se você já entendeu o cenário que vivemos, hora de dar um passo à frente. Os eventos esportivos são um estímulo a mais. Não o único. Vejo pessoas perderem o interesse pelas corridas de rua, mais ou menos assim: 

- Não aguento mais correr na Esplanada! 

Você não precisa esperar ser divulgada a mesma “Sensacional mesma coisa novamente no mesmo local” para assegurar sua diversão. Vá sozinho, ou convide os amigos. Deixe o asfalto, experimente trilhas. Abra o horizonte, pratique outros esportes. 

Quero lhe fazer um convite. Mande um e-mail para we@desbrava.com até a próxima quarta-feira (02/02) e me ajude a montar uma lista dos esportes que podem ser praticados em Brasília. Na água, na terra ou ar. Nossa cidade respira esporte. São inúmeras alternativas. Aposto que no próximo domingo teremos surpresas agradáveis aqui no Correio.

Comentários

Postagens mais visitadas